A Bossanova quer investir na sua startup de educação

A educação é o melhor caminho para se construir um Brasil com mais oportunidades e dignidade a todos. Pensando nisso, a Bossanova está selecionando edtechs que tragam soluções para os problemas do setor de forma escalável e repetível, e juntos vamos trilhar essa trajetória de sucesso

O que são edtechs?

Edtech vem do termo “education technology”, trata-se de empresas que linkam tecnologia com a jornada dos stakeholders da educação: professores, alunos, administradores. Isso pode variar de um aplicativo simples para o aluno do ensino fundamental aprender matemática ou de sistema complexo de gestão de dados para administradores de instituições de ensino. Também podemos definir uma edtech como uma startup – uma empresa nova, que geralmente atua com tecnologia no setor da educação. No entanto, isso não significa que todas as edtechs trabalhem na área do ensino e da aprendizagem, elas podem ser focadas no marketing, na administração e nas operações em geral no contexto de instituições educacionais.

Conheça nossa tese de investimento

Estamos sempre atrás de novas oportunidades para fazer parte da Redebossa. 
Veja se sua startup se encaixa na nossa tese e cadastre-se para uma avaliação. Nós investimos em:

Sua startup fará parte da Redebossa

A Redebossa é uma comunidade formada por founders e co-founders das startups investidas pela Bossanova, que tem como objetivo a aquisição, retenção e engajamento de seus membros por meio de conteúdo e benefícios exclusivos, conexões valorosas, mentorias e mais.

Quem lidera o grupo de Edtechs

Janguiê Diniz

Fundador e Presidente do Conselho de Administração na Grupo Ser Educacional

Gustavo Frayha

Sócio na Atmo Educação

 

Carol Paiffer

CEO e sócio fundadora da Atom Investimentos

Celso Niskier

Reitor na Centro Universitário UniCarioca

Felipe Diesel

Diretor da Hey Peppers!

Rodrigo Marques

CEO do Grupo Educacional Ensina

Bruno Drummond

Founder & Partner da Drummond Advisors

Guilherme Döring Cunha Pereira

Presidente executivo do GRPCOM – Grupo Paranaense de Comunicação

Inscreva-se