Investimento em startups: quais as garantias de retorno financeiro?

Investimento em startups: quais as garantias de retorno financeiro?

Quais as garantias de investir em VC? Essa é uma dúvida recorrente para os novos entrantes no mundo de investimentos em startups.

Investir em um negócio de base tecnológica é arriscado mas promissor. Ele te coloca em alta exposição ao mercado de startups e pode gerar um alto potencial de retorno financeiro. E isso é o que chama a atenção dos investidores.

Mas, quais as garantias que o investidor tem ao investir? Compreender qual a tese de investimento e o track record da empresa especializada que da abertura e o suporte para o investidor é uma maneira de conhecer seus riscos e possibilidades de ganhos.

Usando a Bossanova como exemplo, apresentarei nosso histórico, processo de busca e seleção que fornece a segurança aos investidores.

Track record

Toda empresa tem um histórico e é nisso que o investidor precisa ficar atento. Antes de fazer o aporte, é preciso conhecer a empresa especializada em venture capital que você quer co-investir. Saber qual é a valorização record que o portfólio da empresa traz é uma maneira de adquirir segurança na hora de investir.

Nessa área de investimento, o retorno financeiro depende da valorização das startups do portfólio no qual foi feito o aporte. Na Bossanova Investimentos, a valorização histórica é de 24,2% a.a. Essa é a média de valorização de todo o nosso portfólio de startups nos últimos dois anos.

Esse cálculo é feito com base na média de idade do nosso portfólio total, que é de 2 anos, e normalizar com os rendimentos de cada uma delas. Chegamos então a média de 24,2% de valorização ao ano.

Importante ressaltar que os ganhos no venture capital não acontecem de forma linear. Portanto, o valor de retorno pode ser menor ou maior conforme a valorização realizada do portfólio investido. Oferecemos esse número como um norte para que o investidor visualize as possibilidades.

Tese de investimentos

A tese de investimentos de uma empresa é o início, o fim e o meio do objeto de negócio. É ela que definie quais setores, áreas e seleção das startups que serão investidas com o capital de cada integrante desse time de investimentos. Em resumo, é o conjunto de parâmetros para as tomadas de decisão.

A tese de investimento da Bossanova é um tese chamada de generalista porque abrange startups com diferentes recortes e setores como: empresas de tecnologia no ramo de agronegócio, educação, saúde e bem estar, segurança, gestão, entre outros. Acreditamos no potencial e crescimento das mais diversas empresas.

Além da diversificação, outras especificações que compõe nossa tese são:

  • Negócios de tecnologia em estágio pré-seed (de R$100k a R$300k);
  • Startups B2B e B2B2C;
  • Produtos ou serviços que já estejam validados e operando;
  • Faturamento há pelo menos 1 ano;
  • Prioridade no modelo SaaS – que não estejam no segmento de governo, games ou hardware;
  • Inovadoras, Digitais e Escaláveis.

Quais as garantias do investimento CCB (Cédula de Crédito Bancário)?

O investimento CCB Brasil, realizado pela Bossanova, tem como objetivo oferecer ao novo investidor no mercado de venture capital uma oportunidade de investir indiretamente em empresas tecnológicas com a nossa curadoria de seleção.

Nessa modalidade, o investidor tem a garantia do capital devolvido, visto que a Cédula de Crédito Bancário é um documento extrajudicial que dá exatamente essa segurança: a devolução do valor investido após o prazo de contrato. Além disso, o CCB Brasil possibilita duas rendas:

  • renda fixa: porcentagem pré-fixada sobre o capital, acrescido anualmente sobre o montante (X% a.a.). *repasse ao investidor no fim do contrato
  • renda variável: um upside sobre os eventos de liquidez das startups atreladas ao portfólio no qual você investiu. *repasse ao investidor quando ocorrerem os exits.

Conclusão

Apresentei a você, neste post, que compreender qual a tese de investimento, o processo de busca e seleção e o track record da empresa traz a segurança e garantia de retorno do seu investimento usando a Bossanova Investimentos como exemplo de empresa especializada em investimentos em startups.

A Bossanova é o Venture Capital mais ativo da América Látina que investe em startups B2B e B2B2C em operação. Analisando os parâmetros de busca e seleção é notável que nossa tese consiste em distribuir recursos para mais empresas de base tecnológica construindo um portfólio diversificado. Isso, por sua vez, tem um foco: aumentar a chance de ter uma startup unicórnio em nosso portfólio.

Quer fazer parte da história da Bossanova investindo em projetos reais com base tecnológica? Veja nosso site e qual a opção se enquadra no seu perfil de investidor.