Resolvvi se une com startups para criar a Associação de Defesa dos Direitos dos Passageiros Aéreos

Resolvvi se une com startups para criar a Associação de Defesa dos Direitos dos Passageiros Aéreos

A Resolvvi, startup do portfólio da Bossa Nova que utiliza-se de inovação e tecnologia para que os consumidores que sofreram com problemas com voos nacionais ou internacionais possam reivindicar os seus direitos de maneira simples, rápida e totalmente digital, se juntou com as startups LiberFly e Voe Tranquilo, para fundar a Associação de Defesa dos Direitos dos Passageiros Aéreos (ADDPA).

A associação nasceu após a disputa entre a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) com startups que oferecem a busca por indenizações a passageiros que tiveram problemas durante voos.

A OAB acusa as empresas de concorrência desleal com advogados, publicidade ilegal e exercício irregular da advocacia. Um total de 48 startups já foram notificadas pela Ordem, que pede explicações e suspensão dos serviços. As lawtechs, entretanto, negam qualquer irregularidade e afirmam que apenas prestam assessoria e atuam no âmbito extrajudicial.

Danilo Alves

Danilo é jornalista formação com pós-graduação em Marketing Digital e Novos Novos Negócios. Trabalha no marketing digital da Bossa Nova Investimentos, o Venture Capital mais ativo da América Latina.

Deixe um comentário