Startup disponibiliza gratuitamente Disque Coronavirus para prefeituras e hospitais filantrópicos

Startup disponibiliza gratuitamente Disque Coronavirus para prefeituras e hospitais filantrópicos

O novo coronavírus COVID-19 tem se espalhado em grande escala pelo Brasil. Devido à sua alta taxa de contaminação, até agora são centenas de casos confirmados registrados pelas secretarias estaduais de saúde em 18 estados e Distrito Federal. Na terça-feira (17) foi confirmada em São Paulo a primeira morte em decorrência da doença. A vítima, um homem de 62 anos, tinha diabetes e hipertensão. Além dele, outras vítimas fatais do novo coronavírus foram confirmadas no país.

Preocupados com o aumento desses números devido a alta taxa de infecção e notando a busca por informações da população, diversas prefeituras têm tentado implantar um sistema de Disque Coronavírus para alertar os cidadãos de como se proteger e tirar dúvidas sobre a doença.

Percebendo essa movimentação, Leandro Campos, CEO da Nvoip, decidiu disponibilizar gratuitamente seu sistema para prefeituras e hospitais que precisam utilizar esse serviço.

“Após notarmos algumas prefeituras tentando liberar um canal de Disque Coronavirus para orientação da população, decidimos colaborar mais ativamente para ajudar a todos. Vamos fornecer gratuitamente nosso sistema de atendimento digital (URA), junto com um número local, para o canal do Disque Coronavirus seja de prefeituras ou de hospitais filantrópicos”, diz Leandro.

O canal que foi liberado pela startup, irá funcionar 24h durante toda a semana. Ele traz recomendações sobre as melhores práticas para se prevenir e enfrentar a pandemia, além de orientações de como agir em caso de suspeita ou constatação da doença.

Indagado sobre o motivo de estar se mobilizando por essa causa, Leandro Campos conta que mesmo a Nvoip não sendo uma startup de âmbito social, sempre admirou os empresários que possuem causas sociais. E viu em meio a essa crise uma oportunidade de ajudar a sociedade. A startup também tem auxiliado diversas empresas privadas que buscam implantar o sistema de home office para diminuir o fluxo de pessoas nas ruas.

A prevenção ainda é a melhor maneira de combater o vírus. Redobrar os cuidados com a higiene lavando sempre as mãos com sabão, usar álcool em gel e cobrir a boca ao espirrar ou tossir, são formas de conter a disseminação da doença. Também é importante manter-se em locais arejados e só sair de casa em casos extremamente necessários. As máscaras devem ser usadas apenas por quem já apresenta sintomas respiratórios ou quem tenha contato com pessoas sintomáticas e profissionais de saúde.

Os órgãos públicos de qualquer lugar do país e hospitais que quiserem implantar os canais de Disque Coronavírus, só precisam entrar em contato através de um formulário disponível no site: www.nvoip.com.br/disque-coronavirus

Danilo Alves

Danilo é jornalista formação com pós-graduação em Marketing Digital e Novos Novos Negócios. Trabalha no marketing digital da Bossa Nova Investimentos, o Venture Capital mais ativo da América Latina.

Deixe uma resposta